Panquecas de arroz (aproveitamentos)

Chamei-lhe panquecas pois estes bolinhos são achatados e feitos tal e qual faço as minhas panquecas.
Contudo a receita foi adaptada do blogue As receitas lá de casa e a Maria João chamou-lhe bolinhos de arroz.
Fiz com arroz integral e como tinha uma febra de porco que tinha sobrado de outra refeição, aproveitei e adicionei-ia à receita.
Ficaram muito boas e foram acompanhadas de uma salada de tomate.


Fiz assim: Medida utilizada 200ml

2 medidas de arroz integral cozido
3 ovos M
1 Queijo mozarella ralado
1 febra de porco cozinhada (aproveitamento)
10 azeitonas pretas picadas e sem caroço
2 c. sopa de pão ralado
Salsa picada
1 c. sopa de queijo da Ilha ralado (tenho sempre congelado)


  1. Juntar todos os ingredientes e misturar muito bem até obter uma massa que se possa moldar facilmente.
  2. Aquecer uma frigideira anti-aderente e pincelar com azeite.
  3. Moldar bolinhas do tamanho de uma noz e achatá-las em forma de panqueca.
  4. Depositá-las na frigideira já quente e deixar dourar muito bem antes de as virar.
  5. Servir com uma salada a gosto.


As minhas renderam 23 unidades


bem vind@ (letras pretas)

Panquecas de aveia sem açúcar

Para o lanche recomendo estas panquecas pois além de saudáveis são uma delicia.


A receita é assim: Rende 5 panquecas

100gr Aveia integral reduzida a farinha
50gr de banana
2 colheres de sopa de linhaça moída
6 colheres de sopa de água
120ml de leite magro (pode usar um leite vegetal)
1 pitada de canela em pó
Umas gotas de essência de baunilha
1 c. chá de fermento em pó

Para servir:
Creme de tâmaras


  1. Em primeiro, colocar a linhaça moída numa tigela juntamente com a água. 
  2. Mexer, deixando repousar por 15 minutos para a mistura espessar.
  3. Juntar a banana, o leite, a baunilha e 1 colher de sopa do creme de tâmaras e triturar tudo junto até obter uma mistura homogénea.
  4. Adicionar a linhaça, já espessa, à mistura anterior e mexer para incorporar. 
  5. À aveia triturada, juntar o fermento e a canela.
  6. Misturar o creme de banana com a mistura de aveia e envolver.


  • Para fazer as panquecas, pincele uma frigideira anti-aderente com azeite e faça pequenos discos com a massa de aveia obtida.
  • Se tiver dificuldade em fazer os discos, utilize a ajuda de um garfo ou uma colher, esticando a massa na frigideira e deixe dourar bem de um lado e do outro.
  • Retire as panquecas de aveia e deixe arrefecer.
  • Pincele-as com o creme de tâmaras e sirva.




bem vind@ (letras pretas)

Creme de tâmaras (receita saudável)

Hoje venho partilhar uma receita de creme de tâmaras, que é otima para servir com panquecas.
Eu que já não como açúcar desde o inicio do ano, adorei mas achei-a bastante doce pois a tâmara é considerada uma das frutas com mais percentagem de açúcar e por isso convém não abusar, pelo menos por quem está a tentar perder peso.
Mas de vez em quando não faz mal não é verdade? E se por um lado eu pretendo perder peso, por outro também gosto de poder desfrutar de alguns prazeres que a vida nos dá lol
Em resumo... recomendo-a e a partir de hoje, esta receita, vai fazer parte do meu caderno de receitas favoritas :)


A receita é bastante simples: Rende 3 colheres de sopa

6 tâmaras secas sem caroço
80ml de água
Umas gotas de essência de baunilha


  1. Basta juntar tudo e com um robot de cozinha triturar bem até obter um creme bem firme.
  2. Depois é só utilizar para rechear o que bem entender.
  3. Eu utilizei-o numa receita de panquecas que colocarei aqui amanhã.


Fonte: PetitChef

bem vind@ (letras pretas)

Lombo de porco com ervilhas e cenouras

Para o almoço saiu esta carne de porco com ervilhas e cenouras.
Ficou uma delicia!!!... espero que gostem :)


1kg de lombo de porco em pedaços grandes ou fatias
Pimenta
200ml de vinho branco
1 c. sopa cheia de massa de pimentão
2 folhas de louro
1 cebola grande
3 dentes de alho
Azeite
2 cenouras grandes em rodelas
600gr de ervilhas


  1. Duas horas antes, temperar a carne com a pimenta, vinho branco, a massa de pimentão e o louro, para macerar.
  2. Num tacho largo, deitar o azeite, a cebola e os dentes de alho picados finamente e dourar a carne, sem a marinada cerca de 15 minutos.
  3. Acrescentar pingos de água caso a carne comece a secar muito.
  4. Quando verificar que a carne está dourada, junte a marinada, as ervilhas, as cenouras e quando levantar fervura, reduza o lume e deixe estufar cerca de 35 minutos ou até a carne e as ervilhas ficarem tenras.
  5. Retifique os temperos e sirva a acompanhar batata frita em cubos, com 1 c. de azeite,  na actifry.




bem vind@ (letras pretas)

Massa de arroz com camarão


200gr de massa de arroz sem glúten
400gr de miolo de camarão
4 dentes de alho
Azeite
Coentros frescos picados
Cebolinho picado
Pimentão doce em pó
Pimenta preta moída na hora
Sumo de limão


  1. Cozer a massa de arroz em água e sal por 4 a 5 minutos, escorrer e reservar.
  2. Depois do camarão descongelado, refogue-o num pouco de azeite com os alho picados.
  3. Acrescentar os coentros, o cebolinho, o pimentão em pó, temperar com sal e pimenta.
  4. Deixar refogar por alguns minutos até o camarão ficar al-dente.
  5. Misture o camarão na massa de arroz e regue tudo com o sumo de limão.
  6. Sirva imediatamente.


Receita adaptada da Teleculinária


bem vind@ (letras pretas)