Crepes

Que tal uns crepes para o lanche?
O recheio fica ao vosso critério mas mesmo assim  vou deixar algumas sugestões ;)


Massa para cerca de 15 crepes do tamanho de um prato de sobremesa:
500ml leite
300gr de farinha
6 ovos

Juntar todos os ingredientes e com a varinha mágica triturar muito bem até a massa ficar bem fina.
Deixar repousar por 30 minutos no frio.
Numa frigideira anti-aderente fazer os crepes, um a um, o mais fino que conseguir. Reservar.

Sugestão para recheios:

Salgado (queijo e fiambre):
Nota: eu levei ao microondas por alguns segundos de forma a que o queijo derrete-se um pouco. Ficou delicioso!!


Doce (doce de abóbora e nozes):



Doce (lemon curd):



Gostaram? E agora perguntam... qual gostaste mais? Hummm!!! é difícil pois cada um é muito diferente do outro mas dentro das minhas sugestões, o de lemon curd é sem dúvida bem especial :)
Claro que poderia colocar aqui mais variedades de recheios... só que, estão mesmo a ver...lol
Qualquer dia não entrava à porta lol
Fico à espera das vossas sugestões... que dizem?
Bom apetite!!!

Almôndegas em molho de natas e vinho do Porto

Hoje para o almoço saíram umas almôndegas com um molho super saboroso feito com natas e vinho do Porto. Ficaram muito boas e foram aprovadas por todos cá em casa. A receita serve 8 pessoas ou 6 que comam razoavelmente bem :)


Fiz assim:
Almôndegas:
440gr de carne de vaca picada
440gr de carne de porco picada
1 saqueta de sopa de cebola instantânea 
3 c. sopa de tosta ralada (ou pão ralado se assim o entender)
4 c. sopa de flocos de aveia
2 ovos

Molho:
3 dentes de alho
3 c. sopa de azeite
1 lata pequena de tomate triturado
2 dl de vinho branco
1 dl de vinho do Porto
1 folha de louro
300gr de cogumelos
Sal, pimenta branca
1 pacote de natas

Em primeiro lugar faz-se as almôndegas misturando muito bem as carnes com todos os ingredientes da sua preparação. Amassar bem todos os ingredientes e moldar pequenas bolinhos do tamanho de uma noz pequena.

Num tacho deitar um pouco de azeite e o alho picado, saltear as almôndegas até dourarem um pouco.
Juntar o tomate triturado, o vinho branco e o vinho do Porto, o louro, os cogumelos e temperar com sal e pimenta moída na altura. Deixar levantar fervura e cozer cerca de 20 minutos.
Juntar o pacote de natas, rectificar o sal e deixar apurar mais uns 5 minutos.
Findo o tempo servir com esparguete cozido al-dente, em água e sal.
Espero que gostem!!!

Biscoitos nuvem de limão

Quando fiz as bolachinhas do post anterior, fiz também estes biscoitos que tirei do blog chocorango.
Também ficaram deliciosas :)


100g de manteiga em temperatura ambiente
140g de açúcar em pó
Raspas da casca de 1 limão
2 ovos grandes
1 colher (sopa) de sumo de limão
200g de farinha de trigo
95g de amido de milho
4 colheres (chá) de fermento em pó


Pré-aqueça o forno a 180˚C. Peneire a farinha, o amido e o fermento, reserve.
Bata a manteiga e o açúcar por 30 segundos em velocidade mínima para misturar. Aumente a velocidade e bata até formar um creme claro e fofo. Junte as raspas de limão e os ovos um a um, batendo bem depois de cada adição. Acrescente o sumo de limão e bata só até incorporar.
Acrescente os ingredientes peneirados e misture com uma espátula, sem mexer demais a massa. Com a ajuda de duas colheres de sobremesa, molde bolinhas e coloque numa forma forrada com papel vegetal.
Asse por 15-20 minutos, retire do forno e deixe esfriar sobre uma grade.

Rende: 50 cookies.





Bolachas de Amendoim com Chocolate

Estas bolachas são uma autentica delicia :)
Não imaginam o cheirinho delicioso com que ficou a minha cozinha :)
Fizeram realmente imenso sucesso... a receita só poderia vir do blogue "A culpa é das bolachas".


A receita:
120gr de manteiga
120gr de manteiga de amendoim
150gr de açúcar
1 ovo
150gr de farinha
1/2 colher de fermento
120gr de amendoins sem sal
80gr de pepitas de chocolate (usei chocolate de leite partido em pedacinhos bem pequenos)

Bater a manteiga normal ( ligeiramente amolecida) com o açúcar até obter um creme.
Juntar a manteiga de amendoim, o ovo e bater até obter um creme homogéneo.
Juntar os amendoins, o chocolate e a farinha e envolver bem.
Embrulhar a massa em película aderente e levar ao frio cerca de uma hora.
Retirar a massa do frio e com a ajuda de uma colher retirar pequenos pedaços da massa
e enrolar na mão, fazendo pequenas bolas, espalmando-as em forma de bolacha.
Colocar essas bolachas num tabuleiro forrado com uma folha de papel vegetal.
Levar ao forno por 12 minutos a 180ºC.
Retirar do forno e deixar repousar uns segundos antes de passar para outro recipiente.


Tarte de coco com amêndoa

Esta tarte já é um clássico cá em casa e de vez em quando lá tem de sair da minha cozinha. Como amanhã vou almoçar a casa de um irmão meu, esta foi a escolha para a sobremesa. Espero que gostem :)


1 Base de massa quebrada
1 lata de leite condensado
200gr de coco ralado
50gr de manteiga derretida
6 ovos
Amêndoa laminada para polvilhar

Forrar uma tarteira com a base de massa.
Bater os ovos até ficarem bem cremosos e misturar a manteiga, o coco e a lata de leite condensado.
Verter a mistura na tarteira e polvilhar com a amêndoa.
Levar ao forno a 180ºC até dourar. 

Caldo de miúdos e aletria

Para o jantar de hoje tinha estipulado fazer uma canja mas acontece que ao visitar o blog da Nárwen, deparei-me com este delicioso caldo, também ele feito com frango. A aparência do prato foi tão tentadora que decidi trocar a canja pelo caldinho delicioso... e ainda bem que o fiz pois realmente é uma sopa muito boa e todos gostaram bastante :)


 A receita é assim:

500g de miúdos de frango
200g de frango com osso
1 cebola finamente picada
1 tomate grande picado
125 g de aletria cortada
1 cubo de caldo de galinha
sal q.b.

Limpe e lave o frango e os miúdos. Coza-os numa panela com água temperada de sal juntamente com a cebola em pedaços e o tomate triturado. (depois dos ingredientes devidamente cozidos, retirei a carne e triturei a cebola e o tomate pois aqui em casa há quem não aprecie)
Quando a carne já estiver cozinhada, retire o pedaço de frango do tacho e desfie-o. 
Leve a panela novamente ao lume, coloque um pouco mais de água (se necessário), junte o frango desfiado, a aletria e o cubo de caldo de frango. Rectifique o sal. Deixe a massa cozer e sirva.


Macarrão com salmão e ervilhas


3 postas de salmão em cubos (reservar as peles e espinhas)
1/2 chávena de ervilhas
1 cebola ralada
2 dentes de alho
2 c. sopa de polpa de tomate
Sal e Azeite q.b.
400gr de macarrão

Para o caldo de peixe:
Peles e espinhas do salmão
1 folha de louro
1 cebola
Sal

Em primeiro fazer o caldo de peixe. Colocar tudo numa panela com água e sal e levar a cozer por 30 minutos. Coar o caldo de forma a evitar espinhas e reservar.
Noutro tacho, deitar o azeite, a cebola e os alhos bem picados e deixar refogar. Juntar as ervilhas a polpa de tomate e deixar refogar mais uns minutos. Acrescentar o caldo e quando levantar fervura deitar o macarrão. Quando faltarem 5 minutos para terminar, juntar os cubos de salmão, terminando de cozer.
Servir... se quiser pode polvilhar com coentros. Desta vez não coloquei por não ter em casa mas fica uma delicia :)
Bom apetite!!

Bolo de bolacha para o Dia do Pai :)

Porque hoje é Dia do Pai, porque o Pai dos meus filhos adora bolacha e porque eu e os nossos filhos adoramos mimá-lo aqui fica o seu bolo preferido para este dia tão especial :)
A receita já se encontra aqui no blog... a partilha deve-se à decoração ser muito especial.
Como ele adora jogar Damas, nada melhor que juntar o útil ao agradável. Espero que gostem da sugestão. Tudo bem simples como sempre mas feito com muito Amor :)
Este trabalho foi executado por mim e pelos meus filhos :)


Fotos passo a passo:
 

Derreter 200gr de chocolate branco e 200gr de chocolate preto (separadamente). Numa folha de papel vegetal, esticar o chocolate derretido com uma espátula de forma a ficar uma placa fina. Formar quadradinhos de 3cmX3cm.



Depois do bolo estar frio, vai-se montando o tabuleiro na sua superfície. Caso faça outro tipo de bolo terá de ter em atenção que deverá cobri-lo com um creme para que as placas fixem bem.



Como o bolo era rectangular e eu não queria estar a cortá-lo optei por polvilhar as laterais com bolacha ralada. Para as pedras das damas utilizar "Smarties", "Pintarolas" ou outro do género.


Como queria colocar uma placa a lembrar o dia, fizemos assim: Cortámos um pedaço de papel grosseiramente e molha-mo-lo em café para dar aspecto velho e amarelado à folha.
Deixar secar muito bem e escrever o que se pretende.



Para facilitar a aplicação no bolo, colámos um palito ao pequeno pedaço de papel utilizando cola.


Depois é só espetar no bolo e já está :)
Aqui está ele prontinho para degustar :P


FELIZ DIA DO PAI!!

Lombo de porco recheado com linguiça



1 lombo de porco com 1 kilo
2 linguiças
2 dentes de alho
1 cubo de caldo de carne
polpa de tomate
1 c. sopa de mostarda em grão
1 chouriço em pedaços
Sal aromatizado
1 copo de água

Acompanhamento:
Batata frita
Arroz de ervilhas e chouriço

Com uma faca afiada fazer buracos de um lado ao outro na carne e introduzir as linguiças partidas no sentido do comprimento de forma a ficarem dentro da carne. Proceder desta formas até esgotar as linguiças.
De seguida temperar o lombo com o sal aromatizado e colocar no refractário onde vai assar. Temperar a carne com os restantes ingredientes e regar com a água. Levar ao forno a 200ºC até ficar tenra e dourada.

Entretanto fazer o arroz:
Refogar num pouco de azeite 2 dentes de alho, 1/2 chouriço em pedacinhos e 1 chávena de ervilhas. Juntar 1 chávena de arroz carolino e deixar fritar um pouco. Temperar com sal e juntar duas chávenas de água, deixando cozer até ficar bem seco.

Depois do lombo assado servi-lo acompanhado com o arroz e as batatas fritas.

Biscoitos de café e chocolate

Hoje apeteceu-me meter a mão na massa lol
Tenho um livro só com receitas de café que comprei há uns meses no LIDL e foi lá que encontrei esta receita. Confesso que a massa é um pouco difícil de moldar, se quiserem experimentá-la aconselho a, colocar a massa, no congelador uns minutos, antes de cortar os biscoitos pois caso contrário tem tendência a ficar um pouco mole e difícil de cortar.
De sabor foram aprovados, não fosse eu uma grande apreciadora de café :)


Aqui fica a receita: "Rendeu-me 50 unidades"
300gr de farinha
1 c. chá de fermento em pó
150gr de açúcar em pó
1 pacote de açúcar baunilhado "ou 1 pitada de baunilha em pó"
Raspa da casca de 1 limão
1 pitada de sal
1 ovo
175gr de manteiga gelada (não derreta a manteiga)
2 c. chá de café em pó solúvel
2 c. chá de cacau em pó (usei chocolate em pó)
1 c. sopa de leite

Misture a farinha com o fermento e o açúcar em pó e peneire para uma taça. Acrescente o açúcar baunilhado (ou baunilha em pó), a raspa de limão, o sal e o ovo. Incorpore a manteiga em flocos e amasse tudo rapidamente. (não convém ter a massa muito em contato com a mãos para não amolecer demasiado, devido à temperatura da pele).
Divida a massa a meio. Dissolva o café em pó e o cacau (ou chocolate) no leite e misture com uma das metades da massa. Embrulhe as duas metades da massa em película aderente e coloque-as no frigorífico durante 1 hora.
Estenda ambas as massas formando uma placa. Coloque uma placa de massa sobre a outra, pressione-as e comece a enrolar até formar um rolo. (é nesta fase, antes de cortar as bolachas, que aconselho a colocar no congelador uns minutos, acho que assim ficará mais fácil de cortar. Na receita pede para colocar no frigorífico mas mesmo com esta medida não achei suficiente.)
Pré-aqueça o forno a 175ºC (155ºC para quem tem forno com ventilação) e coloque papel vegetal nos tabuleiros. Corte a massa em, mais ou menos, rodelas de 5 mm de espessura, coloque-as no tabuleiro e leve ao forno durante aproximadamente 15 minutos.
Retire as bolachinhas do forno e deixe arrefecer completamente. Guarde em recipientes herméticos.



Festival Internacional de Chocolate

Na passada sexta-feira, dia 9, estive de visita à Feira Internacional de Chocolate a decorrer em Óbidos.
Esta feira anual decorre durante o mês de Março, de  2 ao dia 25.

Neste evento podem participar em workshops;
Ver filmes;
Ver esculturas de gelo;
Exposições de Cake Design;
Espectáculos diversos;
Concursos... entre outros.

Também vão encontrar barraquinhas com venda de autenticas gulodices feitas com chocolate.
Para abrir o apetite a quem lá ainda não foi, deixo aqui algumas fotos :)











Tarte de nata


3 pacotes de natas (200ml cada)
7 folhas de gelatina
1 lata de leite condensado
200gr de bolacha torrada triturada + 80gr para polvilhar
100gr de manteiga

Misturar a bolacha triturada com a manteiga e forrar a base de uma tarteira. Reservar.
Demolhar as folhas de gelatina em água fria e em seguida derretê-las no microondas com um pouco de leite.
Bater as natas bem firmes e juntar em fio a lata de leite condensado. Acrescentar a gelatina, depois de arrefecer, sem parar de bater até obter um suspiro firme.
Verter a mistura na tarteira por cima da base de bolacha.
Depois de solidificar polvilhe a superfície com a restante bolacha ralada.
Sirva bem fresca.

Sopa de peixe com aletria e ovo cozido


1 cabeça grande de salmão
2 postas de pescada
1 cebola picada
1 dente de alho picado
1 cenoura em rodelas
1 lata pequena de tomate
Azeite
Sal
1 folha de louro
Aletria q.b.
Água
3 ovos cozidos

Cozer os peixes em água temperada com sal. Coar a água e reservar. Desfiar o peixe, retirando peles e espinhas e reservar.
Numa panela refogar no azeite, a cebola, o alho, a cenoura e o tomate. Juntar o peixe e a água de o cozer, deixar ferver cerca de 10 minutos.
Passado esse tempo triturar tudo muito bem.
Juntar a folha de louro e a aletria deixando cozer cerca de 5 minutos.
Acrescentar os ovos partidos em pedacinhos à sopa e servir bem quentinha.
Fica deliciosa :)

Arroz de bacalhau


1 pimento verde em tirinhas
1 tomate bem maduro sem pele em pedacinhos
1 cebola pequena picada
2 dentes de alho picados
Azeite, sal
2 chávenas de arroz
5 chávenas de água
500gr de bacalhau desfiado e demolhado

Num tacho colocar o azeite, a cebola, os alhos, o pimento e o tomate deixando refogar muito bem até os legumes ficarem murchos.
Juntar a água e quando começar a ferver juntar o arroz. Quando faltarem cerca de 5 minutos para o final da cozedura, juntar o bacalhau e deixar cozer, rectificar o sal.
Passados cerca de 18 minutos o arroz está pronto a servir.
Deve servi-lo de imediato, enquanto está com aquele aspecto malandrinho :)
Se gostar polvilhe com coentros picados. (eu não tinha por isso não usei)